Todos sabemos, temos dias bons e temos dias maus. Temos momentos na vida em que estamos bem, em que sentimos que vamos conseguir tudo, alcançar tudo, e outros em que nada bate certo. E a revolta vem no dia mau. Onde é que está Deus? O que vai ser da minha vida? Porque é que não me ajuda?

“Em tempo de prosperidade, aproveita-a bem, mas, em tempo de adversidade, medita: Foi Deus que fez tanto uma coisa como a outra, de modo que o homem nunca sabe aquilo que o futuro lhe reserva.” (Eclesiastes 7:14)

A Bíblia ensina-te que Deus criou tanto o dia bom como o dia mau, ensina que Deus criou os montes e os vales na nossa vida (Deuteronómio 11:11) e ambos são fundamentais para a nossa existência e crescimento e para podermos conhecer qual o propósito de Deus para nós.

Então se ambos foram criados por Deus, temos de aprender a saber crescer e conviver com o contraste dos dois dias tendo a sabedoria para não nos revoltarmos ou querermos fugir no momento em que vem o dia mau. Ninguém quer ter dias maus. Vivemos a procurar estabilidade, felicidade, alegria. Enquanto jovens projetamos o nosso futuro feliz, com sucesso, longe de preocupações e momentos maus. Mas será que estamos a projectar colocando os nossos olhos no que é certo? O que fazemos se não for sempre como projetámos? Será que não estamos só a procurar uma satisfação rápida das nossas necessidades e dos nossos planos? Será que nunca pensamos em desistir e virar as costas no dia mau? No dia da adversidade já não queremos caminhar mais, já não acreditamos, já não queremos agradecer ou louvar a Deus, já não importa o que Deus tem para nós. Nesse momento vem a revolta e questionamos tudo, mesmo a presença de Deus. 

DEUS CRIOU O DIA DA ADIVERSIDADE!

 

Pensa então, DEUS CRIOU O DIA DA PROSPERIDADE E O DA ADVERSIDADE, criou o dia em que te sentes eufórico porque alcançaste o sucesso em algum projecto mas também aquele em que as coisas não correram tão bem e te sentes mais em baixo. E Ele está contigo em ambos os dias. Então temos de largar esse egoísmo de não aceitar esse contraste. De acharmos que no dia em que não acontece como planeámos já não temos de agradecer. Na verdade, para Deus tudo é um processo. A nossa transição para a vida adulta será sim um processo, a nossa vida será um processo e uma construção mas é Deus quem define as fases desse processo, as batalhas, os tempos bons e os tempos maus. E Ele mesmo nos ensina que a maior vitória que alcançámos é caminhar neste processo.

Então lembra-te: Haverá dias em que te vais sentir forte, como Josué, pronto para qualquer batalha e outros dias em que te vais querer esconder e não ver ninguém. 

Haverá dias em que vais querer cantar e dançar e outros em que vais querer chorar!

Haverá dias em que vais que tens a fé de Abraão e outros em que vais duvidar!

Haverá dias em que vais sentir que tudo está a teu favor e outros em que vais questionar quando é que tudo vai passar? E parece que não passa.

Uma coisa é certa. Deus está contigo em TODOS ESSES DIAS! E são esses contrastes que te vão fortalecer para o propósito.

Deus permite ambos os dias mas é Ele que te protege! Então mesmo nos dias maus, agradece, louva a Deus mais e mais, não te revoltes mas antes aproxima-te e agradece porque Ele está do teu lado, sempre!

PODES VER OUTROS ESTUDOS AQUI

Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Partilhar...